São Borja
Terça-feira 16 de Janeiro de 2018


PT reage a pedido de ajuda do Exército e Força Nacional: "É medo do povo"

Prefeito de Porto Alegre quer que forças federais reforcem a segurança no dia do julgamento de Lula

O pedido de Nelson Marchezan Junior ao governo federal para que a Força Nacional e o Exército atuem em Porto Alegre no dia do julgamento de ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi rechaçado pelo Partido dos Trabalhadores. Pelas redes sociais, integrantes do PT consideraram a medida como forma de intimidar o povo.

"É muito medo do povo! Quem está destruindo o patrimônio público e agredindo o cidadão é o governo golpista apoiado por gente como o prefeito de extrema direita de Porto Alegre. A democracia é maior do que você, Marchezan Jr. Não nos intimidaremos!", escreveu o presidente da sigla no Rio Grande do Sul, Pepe Vargas, em sua conta no Twitter.

Já Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT, usou as redes socais para definir o pedido como "inacreditável". "É muito medo do povo", resumiu a política no Twitter.

 

Fonte: Correio do Povo

 

Foto: Pedro Ladeira / Folhapress / CP