São Borja
Terça-feira 16 de Janeiro de 2018


PT lança Miguel Rossetto como candidato a governador do RS

O Partido dos Trabalhadores do Rio Grande do Sul (PT-RS),  anunciou na tarde deste sábado, a candidatura de Miguel Rossetto para governador do Estado, por aclamação. Além dele, também foi confirmada a tentativa de reeleição de Paulo Paim. Além disso, Luiz Inácio Lula da Silva foi ovacionado numa corrente de aprovação por seu nome para concorrer à presidência.

Após o anúncio, o senador Paulo Paim discursou, explicando que a escolha de não concorrer ao Senado foi da própria ex-presidente Dilma, pois senão ele cederia o lugar. "Uma presidente eleita com 54 milhões de votos escolhe o cargo que ela quiser", frisou.

Projetando as eleições, Paim reforçou a força de Lula e projetou três cenários políticos possíveis até 2019. "Eles têm três problemas: o número 1 prenda o Lula e pode ter certeza que o mundo todo vai montar comitês pela liberdade de Luiz Inácio Lula da Silva. Nós estaremos juntos lutando. Vai ser o novo Nelson Mandella", frisou.

"A hipótese dois: resolvem cassar os direitos políticos do Lula. Vai ser cabo eleitoral de luxo, o mais disputado da história da Humanidade", projetou Paim. "Com ele viajando o país, eu quero ver Olívio Dutra ou Tarso Genro eleitos presidentes se for necessário", comentou o senador.

Caso o ex-presidente seja liberado pela Justiça, Paim afirmou que não teme a oposição. "O PSDB pode vir com o Doria, com o Aécio. Venham com o Temer, no PMDB. E tem esse cara que não vou dizer o nome. Pode vir, que venha. Se preparem, pois em janeiro de 2019 todos aqui vão subir a rampa com Luiz Inácio Lula da Silva presidente da República desse país.

 

Fonte: Correio do Povo

 

Foto: Reprodução / Twitter / CP