São Borja
Terça-feira 16 de Janeiro de 2018


Grêmio tem quatro nomes de atacantes para buscar em 2018

Tendência é de que jogadores venham do Exterior

Renato Portaluppi já sabe os quatro nomes de atacantes que o Grêmio irá entrar em contato para reforçar o grupo em 2018. A direção assegura, no entanto, que nenhum dos jogadores — ou mesmo os clubes deles — foi procurado até o momento.

A tendência é que os atacantes pretendidos pelo Tricolor (pelo menos um centroavante de posicionamento mais fixo e outro que atue mais pelos lados do campo) venham do Exterior. O que não significa que sejam necessariamente estrangeiros. Isso porque os dirigentes admitem que as opções no mercado nacional não se enquadram ou nos critérios técnicos pretendidos pelo clube ou então nos padrões financeiros. “Aqui no Brasil as alternativas são poucas e caras”, afirma o vice de futebol Odorico Roman.

Alguns nomes que surgiram como especulações já foram negados pela direção, casos, por exemplo de Rafael Marques, do Cruzeiro, e Gabigol, que está no Benfica. Uma das alternativas no mercado sul-americano seria o atacante Enrique Triverio, que joga no Racing, da Argentina.

 Fonte: Correio do Povo/ Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Flickr / Divulgação / CP